Jornal da Ordem
Rádio OABRS
Twitter
Facebook
Instagram
Flickr
YouTube
spotfy
RSS
NOTÍCIAS

23.07.12  |  11h40   

Operadoras de telefonia se comprometem com melhorias e Procon libera vendas na Capital

Medidas requeridas pela Ordem gaúcha serão atendidas, e as empresas irão oferecer desconto nas faturas devido às quedas na conexão e passarão a informar aos clientes a real abrangência da área de cobertura dos planos de telefonia móvel

Após aproximadamente uma semana de proibição de vendas de novas linhas telefônicas e de internet 3G, as companhias Claro, Tim e Vivo voltam a comercializar seus produtos. As companhias empenharam-se na adequação às exigências do Procon Porto Alegre, propondo alternativas que melhorassem a qualidade dos serviços prestados à população da Capital.

A notificação expedida pelo Procon, atendendo representação da OAB/RS, determina desconto nas faturas devido às quedas na conexão e à obrigatoriedade de veiculação de contrapropaganda; ou seja, comunicando aos clientes a real abrangência da área de cobertura dos planos de telefonia móvel e de internet 3G em jornais de grande circulação, bem como em rádio e televisão. 

Também ficou determinada pelo Procon a alteração nos contratos firmados a partir de sexta-feira (20), que deverão conter as informações referentes à área de atuação e qualidade do sinal de seus planos de telefonia móvel e internet 3G.

O presidente da Ordem gaúcha, Claudio Lamachia, saudou o desfecho do episódio. "O consumidor é o grande vencedor. É preciso saudar o trabalho abnegado e corajoso do Procon-POA, da Smic e da Frente Parlamentar em Defesa ao Consumidor", afirmou o dirigente.

Explicações da Anatel

Ainda na sexta-feira a OAB/RS requereu, baseada na Lei 12.527, que a Agência Nacional de Telecomunicações – Anatel, apresente os dados técnicos que embasaram a decisão de suspender apenas uma operadora no RS.

"A sociedade precisa entender o que motivou a escolha da Anatel, suspendendo apenas uma das operadoras, enquanto o problema é generalizado. A decisão expõe uma operadora premiando as demais, que possuem os mesmos problemas", afirmou Lamachia.

A Oi, por determinação da agência reguladora, é a única operadora que segue proibida de vender novas linhas no RS.

REDES SOCIAIS E FEED
RSS
spotfy
YouTube
Flickr
Instagram
Facebook
Twitter
RECEBA INFORMAÇÕES
e-mail
Whatsapp
JORNAL DA ORDEM
Jornal da Ordem
RÁDIO OAB/RS
Rádio OABRS
MAPA DO SITE
Abrir
(51) 3287.1800
Rua Washington Luiz, 1110 - Centro - CEP 90010-460 - Porto Alegre - RS
© Copyright 2019 Ordem dos Advogados do Brasil Seccional RS    |    Desenvolvido por Desize