CDAP

COMISSÃO DE DEFESA, ASSISTÊNCIA E PRERROGATIVAS DOS ADVOGADOS

NOTÍCIAS

07.02.12   

Caravana das Prerrogativas faz constante defesa dos honorários advocatícios

Ordem gaúcha preocupada com aviltamento da verba honorária faz questão de questionar os advogados das subseções sobre este tema que vem mobilizando a entidade.

No final do mês de janeiro, a Caravana das Prerrogativas da OAB/RS, por meio da Comissão de Defesa e Assistência às Prerrogativas (CDAP), percorreu 19 subseções do Interior do Estado.

Desde 2011 a Caravana já visitou 63 subseções. O projeto da CDAP visa a percorrer as 106 subseções da entidade, intensificando o diálogo entre a seccional e os profissionais de todo o Estado. Outro objetivo é traçar um mapa com os principais problemas enfrentados pelos profissionais no Estado, visando à solução de conflitos, o fortalecimento das prerrogativas e do exercício da advocacia.

Diante disso, um dos temas proposto pela OAB/RS durante os encontros é o que trata de aviltamento de honorários. A Ordem gaúcha preocupada com este problema faz questão de levantar junto aos advogados do Interior o assunto que vem mobilizando a entidade.

Para o presidente da OAB/RS, Claudio Lamachia, "o desrespeito aos honorários atinge não apenas aos advogados, mas a toda a sociedade, e estes devem ser condizentes com a responsabilidade imposta pela sua profissão, que lida com a honra, a liberdade e o patrimônio do cidadão. Advocacia fortalecida é sinônimo de sociedade fortalecida", destaca.

Conforme o presidente da CDAP, Marcelo Bertoluci, a Ordem gaúcha vem, constantemente, oficiando diversos magistrados, reiterando a importância da fixação digna dos valores pagos aos advogados, e, ainda, por meio da CDAP, buscando atuar como assistente em processos, a fim de resguardar o direito dos profissionais.

Muitas vezes, o tema é tratado diretamente com os magistrados ainda na subseção, após o encontro com os advogados, o que vem dando bons resultados.

Durante a Caravana das Prerrogativas, os dirigentes ainda explicam sobre o funcionamento da ouvidoria vinculada ao gabinete da presidência, na qual os advogados mantêm o contato permanente da entidade e manifestam-se sobre eventuais problemas enfrentados pela classe.

"Sempre que o advogado sofrer aviltamento de honorário deve entrar em contato pelo e-mail honorarios@oabrs.org.br", orienta Bertoluci.
REDES SOCIAIS E FEED
RSS
YouTube
Flickr
Istagram
Facebook
Twitter
RECEBA INFORMAÇÕES
e-mail
Whatsapp
JORNAL DA ORDEM
Jornal da Ordem
RÁDIO OAB/RS
Rádio OABRS
Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Rio Grande do Sul - CDAP
Rua Washington Luiz, 1110 - Centro - CEP 90010-460 - Porto Alegre - RS
© Copyright 2020 OAB/RS - CDAP    |    Desenvolvido por Desize