Jornal da Ordem
Rádio OABRS
Twitter
Facebook
Instagram
Flickr
YouTube
spotfy
RSS
NOTÍCIAS

25.11.20  |  12h27   

16 Dias de Ativismo: Ciclo de lives da CDH colocará a violência de gênero em pauta

Arte: Caroline Leal - OAB/RS

CDH_BannerSite

No intuito de unir esforços à campanha mundial dos 16 dias de Ativismo, na quarta-feira (25), às 19h, a Comissão de Direitos Humanos Sobral Pinto da OAB/RS (CDH), dará início ao ciclo de lives “16 Dias de Ativismo com a Comissão de Direitos Humanos”. Haverá cinco lives transmitidas pelo perfil da CDH no Instagram, com a participação de convidados especialistas e membros da comissão. Os próximos encontros ocorrerão nos dias 26/11, 02, 03 e 07/12, sempre no mesmo horário.

Os 16 dias de Ativismo é uma campanha Internacional, iniciada em 1991 pelo Instituto de Liderança Global das Mulheres e, anualmente, coordenada pelo Centro para Liderança Global das Mulheres. Trata-se de uma estratégia de mobilização de indivíduos e organizações em todo o mundo, para o engajamento na prevenção e na eliminação da violência contra as mulheres e meninas, contando atualmente com a adesão de aproximadamente 160 países, incluindo o Brasil.

De acordo com o coordenador geral da CDH da OAB/RS, Rodrigo Puggina, a iniciativa da comissão tem como objetivo levar ao público geral, aos advogados e às advogadas informações sobre os vários tipos de violência praticadas, bem como de políticas públicas que devem ser adotadas para a erradicação e o combate à violência contra a mulher. “Queremos somar os esforços da nossa instituição, proporcionando a todos buscarem, junto à OAB/RS, informações sobre a campanha mundial dos ‘16 dias de Ativismo’ e, assim, mobilizar os colegas da advocacia, bem como toda a sociedade gaúcha a se unirem no combate a esse mal.”

Tráfico internacional e a exploração sexual de mulheres; violência contra as mulheres da comunidade LGBTQI+; direitos reprodutivos e sexuais das mulheres; mulheres na polícia e violência contra a mulher idosa serão os tópicos que nortearão o conteúdo das lives. “Uma das principais armas para combater a violência de gênero é a informação, por meio da qual a população toma conhecimento das ferramentas que pode utilizar para ajudar nessa luta. A CDH, entre suas missões, luta pela igualdade, pelo respeito e pela dignidade de todos os seres humanos e combate qualquer tipo de violência. Para isso, não poderíamos deixar de proporcionar ao público conversas sobre os vários temas referentes a situações de violência contra as mulheres”, diz Aline Eggers, organizadora do evento e membro da CDH.

A convidada da primeira live será a Sra. Alika Kinan, Dirigente do Programa de Estudos, Investigação e Treinamento no Combate ao Tráfico e Exploração de Pessoas na Secretaria Acadêmica da Universidad de San Martin, de Buenos Aires. Referência do movimento contra a prostituição e a exploração sexual na Argentina, é uma sobrevivente do tráfico de mulheres e da exploração sexual e conseguiu levar seus captores a julgamento, obtendo reconhecimento da responsabilidade do Estado e provocando profundas mudanças nas políticas públicas sobre o tema.

Acompanhe a programação completa pelo perfil das comissões da OAB/RS e da CDH no Instagram.

REDES SOCIAIS E FEED
RSS
spotfy
YouTube
Flickr
Instagram
Facebook
Twitter
RECEBA INFORMAÇÕES
e-mail
Whatsapp
JORNAL DA ORDEM
Jornal da Ordem
RÁDIO OAB/RS
Rádio OABRS
MAPA DO SITE
Abrir
(51) 3287.1800
Rua Washington Luiz, 1110 - Centro - CEP 90010-460 - Porto Alegre - RS
© Copyright 2021 Ordem dos Advogados do Brasil Seccional RS    |    Desenvolvido por Desize